Todos os pais querem que seus filhos se tornem filhos bons e felizes, É a coisa mais importante na paternidade! Mas nem sempre se sabe qual é a forma correta de alcançá-lo, principalmente nesta era da tecnologia onde as crianças passam muitas horas em frente às telas e nem tantas horas brincando na rua com seus amigos.

A parentalidade de hoje nada tem a ver com a forma como era feita há apenas 30 anos… Parece que vivemos num mundo novo, mas os pais devem estar atentos que existem alguns aspectos que, por mais que passem os anos, eles nunca devem mudar na paternidade.

5 segredos que são ouro puro na paternidade

1. Passe um tempo de qualidade com a família

Pode parecer muito clichê ou básico, mas é tão simples que muitas famílias esquecem primeiro. É verdade que os pais hoje passam muito tempo fora de casa trabalhando, ou se estão em casa, permitem que seus filhos fiquem na frente das telas para dar-lhes tempo para fazer suas tarefas diárias; é mais confortável e fácil.

Mas a realidade é que passar um tempo de qualidade com a família não significa estar junto em casa, cada um fazendo as suas coisas. Significa jogar bola juntos, passear, jogar jogos de mesa… está fazendo coisas juntos que permitirão que as crianças esqueçam as telas porque o seu melhor presente será sempre passar bons momentos com as pessoas que mais gosta: a sua família.

2. Promova a comunicação com as crianças

Este é outro básico que também é rapidamente esquecido. Pais e mães devem gastar tempo tentando descobrir como é a vida de seus filhos. Conversar com professores, professoras, tutores… qualquer pessoa que compartilhe o tempo com seus filhos é importante. Além disso, as crianças devem se sentir confortáveis ​​e confiantes para conversar com seus pais sobre qualquer assunto.

Isso fará com que os filhos sintam que são a prioridade dos pais, sempre. As crianças precisam de reconhecimento por meio de palavras.

3. Ensine a resolver problemas

Os problemas são comuns na vida das pessoas. Ninguém é salvo de tê-los. Nesse sentido, as crianças desde cedo devem aprender a resolver os problemas que surgem com a orientação dos pais. Isso não significa que os pais devam resolver os problemas de seus filhos, devem simplesmente orientá-los na vida e nas experiências.

As crianças aprenderão a aprimorar seu pensamento crítico, a ter perspectiva nas situações e, acima de tudo, a entender o que querem e como querem. Isso vai que se tornem adultos produtivos e bem sucedido.

Para isso, é importante orientar as crianças para que aprendam a tomar suas próprias decisões e que, se estiverem errados, ensine-os a aceitá-los com calma e a perceber que os erros serão seus melhores professores. Errar faz parte do aprendizado da vida.

4. Aumente a gratidão

Se queremos que nossos filhos sejam gratos, é essencial ensiná-los a gratidão diariamente. As pessoas que têm o hábito de expressar gratidão naturalmente eles são mais felizes e mais bem-sucedidos na vida.

Nesse sentido, os pais devem dar lição de casa aos filhos e depois mostrar-lhes o quanto são gratos por isso. As crianças devem sentir que a gratidão é uma coisa muito boa e isso é alcançado através do sentimento de reconhecimento. Ensiná-los a agradecer pelas pequenas coisas também é muito importante para que aprendam a dar valor às coisas, por menores que sejam.

5. Amplie a perspectiva

A vida é uma questão de perspectiva. Dependendo de como as situações são percebidas, elas podem nos afetar mais ou menos na vida. Nesse sentido, ensinar as crianças a ver a vida de uma perspectiva mais gentil, Isso os ajudará a se tratarem com gentileza também: aspecto fundamental para promover um saudável diálogo interno e aproveitar a vida, conseguindo superar com sucesso as adversidades que surgem.