É difícil acreditar que algo tão simples como beber bastante água possa ajudar a controlar a ansiedade. A água é importante para o bom funcionamento do corpo. Todos os órgãos, incluindo o cérebro, precisam de água para funcionar adequadamente. Se você estiver desidratado, o corpo fica tenso e a pessoa pode se sentir muito estressada ou nervosa. A desidratação pode contribuir para a ansiedade e nervosismo

A importância da água potável

A água transporta o que é necessário para os órgãos vitais do corpo. Se as pessoas não estão bem hidratadas, elas podem reagir de maneiras diferentes, o corpo começa a dar sinais. Se você não tem seu corpo bem hidratado, também começará a aumentar os níveis de cortisol (hormônios do estresse).

Um dos problemas da desidratação é que ela imita muitas das mesmas sensações corporais causadas pela ansiedade: tontura, fadiga muscular. , dor de cabeça, sensação de desmaio, aumento da frequência cardíaca e náusea. Esses sentimentos podem levar a mente a pensar que você tem um grande problema médico que faz as pessoas, quase inconscientemente, começarem a ter ansiedade. As crianças são tratadas exatamente da mesma maneira

A água é um calmante natural

Embora a hidratação não elimine completamente a ansiedade, ela pode ajudar a reduzir a intensidade. Beber água pode ser calmante e, muitas vezes, o corpo se beneficiará da hidratação adicional em momentos de estresse intenso.

Se uma pessoa não beber água suficiente, ela fica mais irritada, confusa, mais tensa e fatigada. A desidratação pode influenciar o humor, os níveis de energia e a capacidade de pensar com clareza.

Como manter as crianças hidratadas

A boa notícia é que a desidratação é totalmente evitável. Se as crianças bebem a quantidade certa de água durante o dia, elas podem minimizar seus sintomas de ansiedade.

Quanto água a criança deve beber? A quantidade diária de água de que uma criança precisa depende de vários fatores, incluindo o clima local, idade, peso, sexo, estado geral de saúde e nível de atividade. Em geral, as crianças devem beber pelo menos seis a oito copos de água e comer a quantidade recomendada em porções de frutas e vegetais todos os dias. A quantia aumentará se forem crianças mais ativas. Eles devem beber um copo de água a cada 20 minutos de exercício. Como seu pediatra conhece bem seu filho, pergunte-lhe quanta água deve beber diariamente.

É importante que as crianças evitem bebidas açucaradas e com cafeína, que são conhecidas por causar desidratação e desencadear ansiedade. Como um estimulante, a cafeína afeta o sistema nervoso central.

O consumo de cafeína quando você já está se sentindo ansioso apenas adiciona combustível ao fogo, tornando muito mais difícil para o corpo se acalmar. Evite dar bebidas aos seus filhos com cafeína (leia os rótulos, porque existem até refrigerantes com cafeína). Lembre-se de que também há alimentos que podem conter cafeína, como o chocolate.

Evite servir bebidas com cafeína para crianças, como refrigerantes, café, chá, bebidas energéticas e água com cafeína. Leia os rótulos com cuidado, pois alguns produtos contêm cafeína. Faça seus filhos beberem mais água preparando água com diferentes cores ou sabores, por exemplo, usando frutas. Seja um bom exemplo a seguir para que seus filhos saibam que o hidratamento é muito importante em suas vidas.