A dramatização desempenha um papel muito importante no desenvolvimento infantil. Basicamente, é um tipo de jogo em que a criança imita situações da vida real e incorpora outras pessoas, o que lhe permite formar uma imagem do mundo ao seu redor e desenvolver suas habilidades. Na verdade, a dramatização de papéis é muito mais do que apenas entretenimento uma vez que prepara a criança para sua vida futura como um adulto.

5 razões pelas quais a dramatização é fundamental na infância [19659003] 1. Promove a criatividade

Quando a criança brinca para se tornar médica, o pai ou o advogado não só imita os comportamentos dos adultos à sua volta, como também dá rédea livre à sua criatividade. De fato, é comum atravessar continuamente a fronteira entre o real e o imaginário, dando vida a seus próprios personagens e criando situações completamente novas. Portanto, é um excelente exercício para estimular sua imaginação e aumentar sua criatividade.

Estimula o desenvolvimento da linguagem

Através deste tipo de jogo a criança também desenvolve a sua linguagem e aprende novas palavras e conceitos. Alguns dos termos que ele usa foram ouvidos antes, mas no momento do jogo, quando ele interpreta outra pessoa, é quando ele lhes dá um significado e os inclui em seu vocabulário. Você também pode aprender novas palavras e expressões com as outras crianças que brincam com ele

. Regula suas emoções

Através dos personagens que ele representa, a criança expressa suas idéias, sentimentos e maneira de ver o mundo. O fato de colocar outra pele lhe permite mostrar seu mundo interior mais facilmente e canalizar seus medos, conflitos e preocupações.

Favorece a resolução de problemas

Na dramatização, a criança enfrenta múltiplos problemas e situações que fazem parte da vida cotidiana. É por isso que é uma oportunidade para desenvolver suas ferramentas de resolução de conflitos e aprender como tomar suas próprias decisões.

Desenvolve habilidades sociais

Através da dramatização, a criança também aprende a se comunicar com outras pessoas e a estabelecer diferentes tipos de vínculos. Aprenda a dar a vez, ouvir, refutar os critérios dos outros de forma respeitosa e ser mais compreensivo.

Qual é a idade apropriada para introduzir a criança na dramatização? [19659015] Geralmente, a criança descobre a dramatização de maneira natural por volta dos 3 anos. Nessa idade ele já é capaz de se reconhecer como uma pessoa independente e começa a criar suas próprias representações mentais do mundo.

No início, o mais comum é que o pequeno se limita a representar a vida dos adultos, já que seja a vida cotidiana daqueles que o cercam ou a história dos personagens que ele vê em desenhos animados, histórias infantis ou televisão.

À medida que a criança cresce, ele poderá recriar cenários mais complexos, o resultado do desenvolvimento de sua vida. capacidade de representação, criatividade, experiências e relacionamento com outras pessoas. Isso ocorre entre 4 e 5 anos, uma idade em que a criança já possui as ferramentas psicológicas necessárias para aproveitar ao máximo os benefícios da dramatização, embora não seja até quase 7 anos ele se tornará um ator de verdade.

3 role-playing games para se divertir com os pequenos em casa

  1. Ele motiva o garoto a se tornar seu herói / heroína favorito. Incorporar seu herói ou heroína favorita é uma das encenações que a criança mais aproveitará. Além disso, é uma maneira muito simples de capacitar e capacitar a autodeterminação.
  2. Encoraje-o a representar um profissional que ele admira. Libere o pequeno para que ele se torne o profissional que ele gostaria de ser no futuro e experimente em sua própria pele o que significa ser um médico, advogado, professor ou computador.
  3. Incentive-o a imitar uma figura mundial. Dê à criança a oportunidade de se colocar no lugar de uma personalidade histórica, política ou cinematográfica e incite-o a tomar decisões importantes dessa posição. Dessa maneira, ele aprenderá a avaliar as conseqüências de suas ações.