Parece engraçado, mas é real, é assim que as crianças sofrem com as aulas virtuais, por conta da pandemia.