Como sabemos, as recomendações das autoridades são que fiquemos em casa e não façamos as tradicionais reuniões de dezembro; No entanto, muito realisticamente, poucos realmente ficarão em casa e cumprirão essas medidas. Por isso, para os que vão se reunir, preparamos uma série de medidas sanitárias para as festas de Natal.

14 Medidas sanitárias para as festas de Natal

Entrevistamos a Dra. Roxana Trejo, gerente da unidade hospitalar do Hospital ABC, que nos explicou que as medidas de saúde começam sendo muito sinceras e compreendendo que se formos pessoas em risco ou tivermos estado em contato com pessoas que poderiam ter Covid-19, é melhor ficar em casa definitivamente. Sabemos que é difícil, mas é a coisa mais sensata para o bem de todos.

Lembre-se de que pessoas vulneráveis ​​são idosos, pessoas com obesidade e diabetes, pessoas com câncer, doenças respiratórias ou cardiovasculares, bem como mulheres grávidas e lactantes. [19659005] Se você decidiu se reunir com sua família, a primeira coisa a fazer é escolher um local com boa ventilação para que o ar possa circular . Uma vez escolhido o lugar, ele lembra os visitantes de que eles devem usar uma máscara que cubra desde o nariz até o queixo. Além disso, um dos primeiros passos é desinfetar os sapatos de quem chega à sua casa, uma vez que não sabemos o que pisaram e é provável que pisem nos tapetes ou mesmo que as crianças subam na cama. Portanto, é necessário levar em consideração essas medidas sanitárias para as festas de Natal.

Por outro lado: Dicas para um Natal sem dívidas

Entre outras medidas sanitárias para as festas de Natal recomendadas pela Dra. Roxana Trejo, verifica-se o preparo correto dos alimentos que inclui a correta lavagem das mãos, o uso de máscaras durante o preparo e que os convidados não as retiram até que o jantar seja servido.

No caso Das crianças que, sabemos, têm dificuldade em usar protecção, recomenda-se que as crianças com mais de 5 anos tragam máscara. A qualquer momento, os pais devem verificar se os filhos mais novos não engatinham e lavam as mãos correta e constantemente, uma vez que não sabemos quão limpo é o chão.

Dependendo do espaço da casa onde ocorrerá a festa, lembramos que o ideal é que os convidados mantenham uma distância de um metro e meio entre as pessoas. Sabemos que todos queremos ver o maior número possível de membros da família, mas vamos tentar fazer este ano uma quantidade considerável para reduzir infecções.

Confira: 7 livros sobre o Natal que seu filho vai adorar [19659005] Dentro das medidas sanitárias para as festas de Natal, o especialista recomenda que não haja consumo de álcool, até porque o álcool pode fazer-nos sentir mais confiantes, o que nos levará a descurar as outras medidas que já Foram mencionados.

Também, se houver bebês em suas reuniões, Dr. Trejo, lembre-se da importância de lavar as mãos, de evitar beijos e abraços para não colocá-los em risco, o mesmo com os idosos. Lembremo-nos de desinfetar maçanetas, talheres e tudo o que as pessoas possam tocar, inclusive o vaso sanitário e a mesa.

Já em relação ao tempo de permanência, o especialista relata que o ideal é no máximo cinco horas. Sabemos que seremos muito felizes em ver nossa família, principalmente depois de tanto tempo, mas também devemos estar cientes da importância de cuidar da saúde de todos.