Frutas e vegetais não são apenas essenciais na dieta das crianças, mas também de toda a família. Seu consumo traz inúmeros benefícios à saúde, previne o aparecimento de diferentes doenças e nos dá uma boa parte das vitaminas e minerais que precisamos.

Infelizmente, na Espanha, apenas 11% dos adultos consomem as cinco porções de frutas e vegetais recomendados pela OMS. No entanto, os maus hábitos na mesa acabam tomando nosso pedágio. Uma maneira de aumentar seu consumo é estar ciente dos benefícios que elas proporcionam

5 boas razões para incluir frutas e verduras na dieta da família

1. Melhorar a saúde intestinal

Incluir na dieta da família frutas e vegetais ricos em fibras, como maçã, pêra, kiwi, brócolis, berinjela ou pepino melhora o trânsito intestinal e ajuda a eliminar as toxinas que se acumulam em os intestinos. Um estudo realizado nas universidades de Melbourne e York descobriu que o consumo de vegetais de folhas verdes, como espinafre, acelga ou rúcula, protege a flora intestinal e promove sua replicação, enquanto previne o crescimento e a colonização de plantas. bactérias nocivas no intestino

2. Aumentar a energia

As frutas e legumes são uma excelente fonte natural de energia, porque contêm vitaminas e minerais como a vitamina B3, B6 e B12, potássio e magnésio, que estimulam o sistema nervoso. Incluir na dieta da família alimentos ricos em triptofano, como bananas e abacates, favorecem a produção de serotonina no cérebro, um neurotransmissor que gera uma agradável sensação de bem-estar. Há também alternativas como LifePak + para suplementar uma dieta saudável e garantir que o metabolismo naturalmente produza a energia que precisamos.

3. Eles regulam o colesterol

Consumir frutas e verduras diariamente nos dá uma grande quantidade de fibras, o que nos permite reduzir os níveis de colesterol e triglicérides. Uma investigação realizada na Universidade Estadual de Pensilvania verificou que comer um abacate por dia pode diminuir os níveis de colesterol LDL. Este efeito benéfico é devido aos ácidos graxos ômega 3 que esta fruta contém, o mesmo efeito positivo que obtemos quando comemos peixe azul e nozes. Na verdade, existem suplementos alimentares como o Marine Omega, que são ricos nesse tipo de ácidos graxos e nos ajudam a melhorar a saúde cardiovascular diminuindo o colesterol ruim e os triglicerídeos.

Eles têm um efeito antioxidante

Os antioxidantes são um tipo de molécula que atua retardando ou impedindo o processo de oxidação nas células, pois neutralizam a ação dos radicais livres, que são os principais responsáveis ​​pelo envelhecimento e aparecimento de doenças como câncer Frutas e vegetais são ricos em antioxidantes naturais e vitaminas com ação antioxidante, como vitamina A, C e E. Estes são concentrados em tomate, cenoura, cebola e alho e abóbora, embora eles também possam ser encontrados em complexos alimentares feitos a partir de ingredientes naturais, como JVi, uma bebida com um poderoso efeito antioxidante que inclui 12 tipos de frutas e legumes

5. Eles favorecem o bem-estar psicológico

As frutas e verduras também aumentam a saúde psicológica. Um estudo realizado na Universidade de Harvard descobriu que incluir vegetais de folhas verdes, frutas vermelhas, laranjas e vegetais vermelhos e laranja, como cenouras, protege a memória e favorece as habilidades cognitivas. Além disso, frutas como bananas, mirtilos e abacates e vegetais como repolho, ricos em potássio e antioxidantes estimulam a concentração, o que é particularmente benéfico para crianças com TDAH. Outro estudo realizado na Universidade de Otago descobriu que a adição de frutas e legumes à dieta também nos faz sentir mais vital, motivado e com um humor melhor.

Finalmente, lembre-se que, se você quiser enriquecer sua dieta com suplementos alimentos, você deve consultar seu médico, especialmente se estiver grávida, amamentando ou se submetendo a tratamento médico.